• MINHA CONTA
  • FALE CONOSCO
  • NEWSLETTER
X

Já sou cadastrado

Ainda não tenho cadastro

CADASTRAR
X

    Entre em contato com a FAS





    Telefone: 11 3086-1661 | WhatsApp: 11 91306-9794
    [email protected]
    Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 413 – Jardim América - CNPJ 00.817.414/0001-08
    luminaria-lampada

    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design

    Minimalistas, divertidas, rebuscadas, quase ausentes. As luminárias que elevam a lâmpada a protagonista do design são democráticas. Paixão do designer Ingo Maurer, esse elemento tão fundamental da iluminação moderna fascina e cativa outros criativos por sua singeleza.

    A lâmpada incandescente brilha ao transformar energia elétrica em luminosa e térmica através do efeito Joule. Apesar de outros cientistas terem construído dispositivos antes de Thomas A. Edison, ele foi o primeiro a desenvolver uma versão comercializável em 1879. Para dar corpo à lâmpada, naquela época, Edson utilizou uma ampola de vidro que criava um vácuo. Nela era inserida uma haste que seria aquecida e passaria a emitir luz. Entre os condutores experimentados estão: carbono, bambu carbonizado, ligas metálicas, celulose carbonizada e tungstênio.

    Por quase 150 anos, inovações melhoraram a invenção até que, gradativamente, as lâmpadas incandescentes foram substituídas por versões LED, mais duráveis e eficientes energeticamente. Todavia, seu desenho no formato “pera” permaneceu e, ainda hoje, é apreciado.

    Em nosso acervo de luminárias de teto e mesa tem ótimos exemplares de luminárias que celebram a “lampadinha”. Escolha a que melhor cabe na decoração da sua casa.

    luminária de mesa lâmpada
    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: DNA LT, Constantin Wortmann para Next

    Parte de uma família de luminárias, pensada por Constantin Wortmann, a versão de mesa da luminária DNA é estruturada como suas “irmãs” através de módulos com três lâmpadas. Essas bases podem ser adicionadas, aleatoriamente, formando objetos com características orgânicas e personalizáveis. Os acabamentos disponíveis são: branco, cobre, cromado e preto e as fontes de luz usadas são LEDs com 3,5 W.

    luminária pendente lampada
    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Selene, Sandra Lindner para ClassiCon

    A esfera ampla (45×43 cm) que guarda e emoldura a lâmpada halógena de até 60W é feita artesanalmente, com vidro soprado. Desenhada por Sandra Lindner para a ClassiCon, a peça conta com soquete cilíndrico nas versões preta e cobre. Selene pode ser usada sozinha ou em grupo, com diferentes alturas.

    luminária de mesa lâmpada
    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Bulb Brass, Ingo Maurer para Ingo Maurer GmbH

    O design de Bulb – essa luminária de mesa que exalta a forma da lâmpada e foi desenvolvido em 1966, por Ingo Maurer – ganhou versão com base feita de latão de alta qualidade. O material, com o passar do tempo, vai se tornando oxidado, criando uma espécie de pátina que confere ganho estético e, em última análise, uma assinatura individual a cada exemplar. Bulb, a versão com base prateada, é um clássico. Também feita com vidro soprado, atualmente, faz parte do acervo do MoMA, em Nova Iorque.

    luminária pendente lâmpada
    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Jo Fly, Harbur Design para Oty Light

    O design minimalista e requintado dos pendentes Jo Fly são marcados por dois elementos: o refletor curvo e a fonte de luz “macia” que lembra porcelana branca e imita lâmpadas opalinas, mas é uma LED com 6W e temperatura de cor branca (2700K).

    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Edi Son, Davide Groppi

    Num diálogo com a criação de Maurer, o designer Davide Groppi cria para sua marca uma versão ainda mais radical para uma luminária de mesa inspirada na lâmpada incandescente. Apenas uma base de aço simples sustenta a versão com ares retrô da lâmpada LED com 100-240 V. Para ajustar a luminosidade, uma solução simples: a emissão de luz é dimmerizável.

    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Blubb PL Mini, Constantin Wortmann para Next

    Blubb é o barulhinho que faria uma gota ao se despregar de uma torneira. Essa é a inspiração que norteia o desenho de Constantin Wortmann ao “congelar” gotas em forma de lâmpadas – opacas ou transparentes – aliadas a soquetes de vidro opalino e cordões longos que podem ser pretos ou vermelhos. As fontes luminosas usadas são LEDs com 3,5 W.

    luminaria lampada pendente
    7 luminárias de teto e mesa onde a lâmpada é a protagonista do design: Birdie, Ingo Maurer para Ingo Maurer GmbH

    Birdie é uma luminária de teto com 70 x 100 cm e reúne uma série de 12 lâmpadas halógenas de baixa voltagem (12 W) adornadas com penas de ganso, como em uma revoada. Sua estrutura é dada por fios retorcidos com acabamento acobreado. Sem indicação para ser usada em lugares úmidos, o lustre é um “primo” da arandela Lucellino, desenhada por Ingo Maurer em 1992.

    Quer mais informações sobre estas ou outras luminárias de teto ou mesa? Envie uma mensagem para o WhatsApp, clique aqui.

     

     

    | +
    compartilhar com
    copiar link

    Veja também

    São Paulo ganhou um espaço inovador e permanente para a apreciação do bom design e a possibilidade de negócios e networking entre profissionais do segmento e da indústria: a Casa Mollde + Conteúdo. O endereço é a rua Groelândia, na charmosa vizinhança do Jardim Europa, em um sobrado com cerca de sete décadas de existência. Ali, os ambientes ganham novas roupagens de forma integral a cada temporada, por seis meses, pelas mãos do designer de interiores Newton Lima que redesenha os espaços com novas marcas e estilos. De abril a setembro deste ano, é a vez da FAS compor a iluminação decorativa.

    | +
    compartilhar com
    copiar link

    São Paulo ganhou um espaço inovador e permanente para a apreciação do bom design e a possibilidade de negócios e networking entre profissionais do segmento e da indústria: a Casa Mollde + Conteúdo. O endereço é a rua Groelândia, na charmosa vizinhança do Jardim Europa, em um sobrado com cerca de sete décadas de existência. Ali, os ambientes ganham novas roupagens de forma integral a cada temporada, por seis meses, pelas mãos do designer de interiores Newton Lima que redesenha os espaços com novas marcas e estilos. De abril a setembro deste ano, é a vez da FAS compor a iluminação decorativa.

    | +
    compartilhar com
    copiar link

    São Paulo ganhou um espaço inovador e permanente para a apreciação do bom design e a possibilidade de negócios e networking entre profissionais do segmento e da indústria: a Casa Mollde + Conteúdo. O endereço é a rua Groelândia, na charmosa vizinhança do Jardim Europa, em um sobrado com cerca de sete décadas de existência. Ali, os ambientes ganham novas roupagens de forma integral a cada temporada, por seis meses, pelas mãos do designer de interiores Newton Lima que redesenha os espaços com novas marcas e estilos. De abril a setembro deste ano, é a vez da FAS compor a iluminação decorativa.

    | +
    compartilhar com
    copiar link

    São Paulo ganhou um espaço inovador e permanente para a apreciação do bom design e a possibilidade de negócios e networking entre profissionais do segmento e da indústria: a Casa Mollde + Conteúdo. O endereço é a rua Groelândia, na charmosa vizinhança do Jardim Europa, em um sobrado com cerca de sete décadas de existência. Ali, os ambientes ganham novas roupagens de forma integral a cada temporada, por seis meses, pelas mãos do designer de interiores Newton Lima que redesenha os espaços com novas marcas e estilos. De abril a setembro deste ano, é a vez da FAS compor a iluminação decorativa.

    | +
    compartilhar com
    copiar link